Library policies Library hours Library catalogue More than 10,000 books in the database!
O Infante Navegador
written by "Campos, Alfredo, 1847-"
...tituem a mais gloriosa constellao de poetas do seculo XIX, isto , para Baudelaire, F. Coppe, Sully-Prudhomme, Soulary, Leconte de Lisle, Andr Lemoyne, Glatigny, Catulle Mends, Armand Silvestre, Th. de Banville, Lon Valade, Paul Verlaine, Lon Dierx, Jos Maria de Heredia, Em. des Essarts, e para muitos outros, no ha arte aonde o verso no absolutamente correcto. Mas, a evoluo da frma consistir s n'isso, parar ahi? Com certeza que no. Aquelle principio adoptado pelos parnasianos, no realmente novo; os grandes poetas latinos sempre o seguiram, e foi na Epistola ad Pisones, que o Tasso, Cames, Ariosto, e outros, o encontraram, adoptando-o. O conhecimento amplissimo da lingua, to necessario para quem faz um poema, como o da combinao das cres para quem pinta um quadro, e a sciencia da revelao do pensamento pela frma mais nitida, mais perfeita e mais adequada a esse pensamento, so as duas bases em que assenta aquelle principio. O primeiro d'estes elementos de construco e de composio technica estuda-se nos classicos; o segundo nas obras dos grandes escriptores. Este, porm, deve-o sobretudo estudar o poeta comsigo mesmo; porque um mesmo pensamento no s pde ser apresentado, sem alterao alguma, por palavras diversas, mas tambem pelas mesmas palavras combinadas de maneiras differentes. J o Mestre de Philosophia o indicava, na comedia de Molire, ao Burguez Gentilhomem: Mr. Jourdain sentira-se enamorado de uma dama da sociedade elegante, e queria escrever-lhe qualquer coisa n'um bilhetinho, que lhe deixaria cahir aos ps. A este respeito abriu-se com o seu Mestre de Philosophia. — em verso que quer escrever-lhe?—perguntou-lhe este. —No; nada de verso. —Ento quer tudo em prosa? —No; no quero nem prosa nem verso. —Ha de ser uma ou outra coisa. —Porque? —Por uma razo muito simples; porque para nos exprimirmos no ha seno a...

This book you can borrow for use directly by visiting our library!